Todos os profissionais de estabelecimento de saúde devem ter ciência dos riscos aos quais podem ser expostos no desenvolvimento das atividades laborais, para que adotem atitudes preventivas para melhor manutenção da saúde e da segurança no trabalho.

Em 11 de novembro de  2005 entrou em vigor a NR-32, do Ministério do Trabalho e Emprego (PORTARIA No 485) -  Segurança e Saúde no Trabalho em Estabelecimentos de Saúde, que estabelece a atribuição do empregador no provimento de educação inicial e continuada dos profissionais, com informações sobre princípios de higiene pessoal, risco biológico, risco químico,  risco ergonômico e risco radiológico, além de procedimentos em situações de emergência, de acordo com as exigências específicas da norma para cada setor ou risco exposto.

Isso significa obrigatoriedade de treinamento constante para todos aqueles que exercem atividade insalubre e perigosa!

Público-alvo: todos os profissionais de estabelecimentos de saúde, que atuem diretamente na gestão da saúde, em administração, segurança, recursos humanos, área jurídica, e outras áreas do EAS

Treinamento exclusivo para alunos do curso Semi-presencial no HUB-UnB

Visando estimular a adesão à terapia medicamentosa, reduzir tempo de interação e a ocorrência de eventos adversos, e visando estimular o uso racional de medicamentos antimicrobianos, o treinamento é voltado ao trabalho do farmacêutico hospitalar, no desenvolvimento de atividades clínicas em equipes multiprofissionais.